[notícias] Hambúrguer vegetal rende primeiro processo contra o Burger King

Um cliente vegano do Burger King nos Estados Unidos resolveu levar a empresa à Justiça.  

A queixa: a rede de fast food teria contaminado o Impossible Whopper com resíduos de carne. 

A suposta contaminação ocorreu numa loja da rede em Atlanta, que teria fritado o burgão à base de plantas na mesma grelha dos hambúrgueres tradicionais. (Como se sabe, os veganos são os primos radicais dos vegetarianos:  eles não usam nada que venha dos animais — nem roupas, nem ovo, nem queijo, nada.) 

Phillip Williams, o consumidor insatisfeito, diz na ação que comprou um Impossible Whopper num drive thru do Burger King em Atlanta, mas que não teria pago o preço premium do produto se soubesse que ele viria “impregnado com resíduos de carne.”

Segundo a Reuters, a ação foi impetrada hoje no Tribunal Federal de Miami e exige uma indenização a todos os consumidores americanos do Impossible Whopper, além de solicitar uma liminar obrigando o Burger King a “divulgar claramente” que o Impossible Whopper e os hambúrgueres tradicionais são fritados nas mesmas grelhas. 

O Burger King começou a vender os hambúrgueres à base de plantas da Impossible Foods em agosto deste ano e já oferece o produto em mais de 7 mil lojas nos Estados Unidos. 

Em seu site, a rede descreve o Impossible Whopper como: “100% Whopper, 0% carne”, e acrescenta que, para “consumidores que buscam uma opção ‘meat-free’, um método de preparo alternativo está disponível mediante solicitação.” 

No Brasil, o BK vende um produto semelhante — o Rebel Whopper — em parceria com a Marfrig

Fonte: Brazil Journal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *